Plástica Ocular. Para quem é recomendada?

A plástica ocular é recomendada para quem sofre com os fatores ligados ao envelhecimento, como as rugas e o crescimento das pálpebras, e também para corrigir imperfeições de nascença, para pessoas que sofreram traumas, após cirurgias em que há necessidade de se retirar uma porção do olho ou também em casos de biópsia.

Bleferoplastia
Dentre as cirurgias plásticas oculares podemos citar a cirurgia de pálpebras, ou bleferoplastia, que é indicada para corrigir o excesso de depósito de gordura depositada nas pálpebras superiores e inferiores, flacidez que incomode o contorno da pálpebra, prejudicando a visão, excesso de pele e rugas finas e queda das pálpebras inferiores.

Botulina
As injeções de toxina botulínica são eficientes no tratamento dos casos de blefaroespasmo, contrações involuntárias dos músculos palpebrais e de outros grupos musculares da face, essencial e hemi- espasmo facial, pois ela alivia as contrações, provocando a paralisia do músculo afetado por cerca de 3 a 4 meses.

A botulina também é eficiente contra as rugas, que são causadas pelas repetitivas expressões faciais que fazemos durante toda a vida. A perda de proteínas, como colágeno e elastina em consequência da idade, também contribuem para a falta de elasticidade da pele.

A oftalmologia atua no tratamento de rugas nas áreas da fronte e da região periocular (pés de galinha), através da aplicação da toxina botulínica tipo A, que provoca o relaxamento temporário do grupo muscular destas áreas.

O tratamento é indicado para pessoas entre 30 e 60 anos, que não têm alergia conhecida ou doença crônica. Após a aplicação pode haver uma queda da pálpebra superior e visão dupla, mas estas complicações são transitórias e desaparecem espontaneamente.

O procedimento para a aplicação da toxina botulínica é efetivo, rápido e indolor.

Agende sua consulta! (62) 99616-1330